Uma ostra que não foi ferida
não produz pérolas
     



POSTs mais antigos:

Novembro de 2019
Outubro de 2019
Agosto de 2019
Junho de 2019
Abril de 2019
Março de 2019
Janeiro de 2019
Dezembro de 2018
Novembro de 2018
Outubro de 2018
Setembro de 2018
Agosto de 2018
Julho de 2018
Junho de 2018
Maio de 2018
Abril de 2018
Março de 2018
Fevereiro de 2018
Janeiro de 2018
Dezembro de 2017
Novembro de 2017
Outubro de 2017
Setembro de 2017
Agosto de 2017
Julho de 2017
Junho de 2017
Maio de 2017
Abril de 2017
Março de 2017
Fevereiro de 2017
Dezembro de 2016
Novembro de 2016
Outubro de 2016
Setembro de 2016
Agosto de 2016
Julho de 2016
Junho de 2016
Maio de 2016
Abril de 2016
Março de 2016
Fevereiro de 2016
Janeiro de 2016
Dezembro de 2015
Novembro de 2015
Outubro de 2015
Setembro de 2015
Agosto de 2015
Julho de 2015
Junho de 2015
Maio de 2015
Abril de 2015
Março de 2015
Fevereiro de 2015
Janeiro de 2015
Dezembro de 2014
Novembro de 2014
Outubro de 2014
Setembro de 2014
Agosto de 2014
Julho de 2014
Junho de 2014
Maio de 2014
Abril de 2014
Março de 2014
Fevereiro de 2014
Janeiro de 2014
Dezembro de 2013
Novembro de 2013
Outubro de 2013
Setembro de 2013
Agosto de 2013
Julho de 2013
Junho de 2013
Maio de 2013
Abril de 2013
Março de 2013
Fevereiro de 2013
Janeiro de 2013
Dezembro de 2012
Novembro de 2012
Outubro de 2012
Setembro de 2012
Agosto de 2012
Julho de 2012
Junho de 2012
Maio de 2012
Março de 2012
Janeiro de 2012
Dezembro de 2011
Novembro de 2011
Outubro de 2011
Setembro de 2011
Agosto de 2011
Junho de 2011
Maio de 2011
Fevereiro de 2011
Agosto de 2009
Julho de 2009
Junho de 2009
Maio de 2009
Abril de 2009
Fevereiro de 2009
Janeiro de 2009
Setembro de 2008
Julho de 2007
Junho de 2007
Maio de 2007
Abril de 2007
Março de 2007
Fevereiro de 2007
Janeiro de 2007
Dezembro de 2006
Novembro de 2006
Outubro de 2006
Setembro de 2006
Agosto de 2006
Julho de 2006



16 de Março de 2016

VAMO LUSA!




13 de Março de 2016

Vai, Brasil!




11 de Março de 2016

Lula tem de ser preso? SIM. JÁ!

É inegável sua condição de corrupto. Transitando livre por Brasília, define suas intenções de usar o governo para proteger o crime. E incitando a divisão do país, clamando por seu exército, com aquele discurso de ódio "nós e eles", coloca em risco jornalistas, oposição e cidadãos comuns. CADEIA JÁ.

Sabe aquela lei de Gerson, de que o brasileiro gosta de levar vantagem em tudo? Pois bem, aqui ela é aplicada ao máximo. E se você defende qualquer um dos investigados por essas denúncias de corrupção, pode ter certeza: você tem o rabo preso.

Já ficou comprovado que uma parte dos moradores do morro defende os traficantes. Porque o traficante rouba, mata e acaba com uma geração jovem com o vício da droga, lá longe. Ali, paga o remédio pra quem levar receita, distribui cesta básica e dá uma força no orçamento dos mais carentes. É assim. Quem o defende, leva alguma vantagem.

Traduzindo: defender um criminoso é apologia ao crime. Porque sempre que alguém recebe algo sem merecer, alguém pagou por isso. No caso do Brasil, é a indústria, o comércio e todo o setor produtivo, que é quem realmente sustenta o país.

Para o pessoal do trezeconfirma, que vive me dizendo que eu tenho de estudar história, eu vou mostrar como seu ídolo corrupto mascarou os números para iludir o povo carente, transformando o país nessa esculhambação:

Antes deste governo, o pobre não entrava na faculdade. O que fizeram? Investiram na Educação? Não! Tornaram a prova mais fácil. Rebaixaram a qualidade do ensino. Mesmo assim, os negros continuaram a não conseguir entrar na faculdade. O que fizeram? Melhoraram a qualidade do ensino médio nas comunidades, mostrando o quão importante é o estudo para o mundo de hoje? Não! Destinaram 30% das vagas nas universidades públicas aos negros que entram sem fazer as provas. Levaram pra dentro da universidade gente que não teve oportunidade pra entender o básico para esta nova etapa.

O analfabetismo era grande. O que o governo fez? Incentivou a leitura? Não! Passou a considerar como alfabetizado quem sabe escrever o próprio nome.

Antes deste governo, a pobreza era grande. Então investiram em empregos e incentivos à produção e ao empreendedorismo, certo? Não! Baixou a linha da pobreza e passou a considerar classe média quem ganha R$300,00. Passou a considerar como empregado quem recebe o bolsa família ou não procura emprego, reduzindo drasticamente os número da desigualdade social, no papel.

Um país só cresce quando tem um bom setor produtivo. O governo apostou nas commodities para favorecer as estatais e suas fortunas pessoais. Privilegiou a exportação para China (que processa a matéria prima e nos devolvem na forma de produtos de maior valor agregado), em detrimento da indústria, a União Européia e os Estados Unidos, os vilões capitalistas.

Eu tenho ficado cansado em ter de dizer sempre as mesmas coisas. Governos populistas se perpetuam baseados em corrupção e números fabricados. Enquanto os militontos os defendem, usando o pobre como escudo forjado, o Brasil pede passagem. Saiam da frente, por favor. Tem um país que precisa crescer. De verdade.




10 de Março de 2016

Nada me tira da cabeça que aquela comemoração que o Lula fez quando o Rio foi escolhido como a sede dos Jogos Olímpicos, foi pelo seu próprio bolso. Íntimo dos escritórios de grandes empreiteiras era uma comemoração muito além do esporte. Há tempos eu já venho dizendo que essa turma é apenas mais do mesmo: esquerda sendo esquerda.

Pouca gente sabe, mas durante a campanha da Dilma, em 2010, recebi a visita de um representante do partido da estrelinha, no trabalho. Parente de um ilustre político, ele dizia que podia resolver aquele mistério que fazia com que nunca conseguíamos vender na Petrobras, apesar de termos sempre o melhor produto. Mediante um comissionamento para a campanha da presidentA, poderíamos entrar no jogo. Ninguém me contou. Eu estava lá, olho no olho.

Não foi daí que começou minha aversão ao partido que jura lutar pelos pobres, mas só pensa em si mesmo. Já escrevi muito sobre isso aqui. Lembro-me quando o Brasil foi escolhido como a sede da Copa, que eu profetizei: “Isso é um teatro. Vão arrumar um jeito de desclassificar o estádio do Morumbi, para finalmente construírem um estádio pro Corinthians”.

Com um dia atrás do outro, a verdade vem vindo à tona. Aquele corrupto que nos visitou lá no trabalho, já está preso, junto com o parente, político famoso. Logo mais, vão se aprofundar as investigações e vão chegar no Itaquerão. É só uma questão de tempo. Só os militontos ainda acreditam em golpe e na inocência destes bandidos. Afinal, são eles que pagam o vale-protesto com pão e mortadela.

Alétheia é uma palavra grega que significa “verdade”. É também o nome da operação da Polícia Federal responsável pela condução coercitiva (mais uma palavra aprendida) que levou o molusco oportunista pra mentir mais um pouco sobre seus bens escondidos. Os pedalinhos, o sítio e o triplex, lembram-me muito a estratégia de Eliot Ness contra Al Capone. Lula pode ter sido competente em esconder seus roubos, mas vai pra cadeia por um motivo besta.

Parabéns à revista ISTOÉ pelo excelente furo jornalístico da delação do Delcídio. O instituto Lula, a LILS e os filhos do barbudo são ferramentas puras de corrupção. Parabéns à GLOBO pelo excelente grafismo do Jornal Nacional, ao explorar o conteúdo destas denúncias. Tudo imprensa golpista, desqualificada pelos assaltantes de terno.

Dia 13, vamos à rua. Pela justiça, não só pelo pior crescimento do PIB da série histórica.

E quem me conhece, nem precisa que eu diga o final da história que contei. Eu nunca vendi pra Petrobras.

 




 
Marcelo Martins de Albuquerque - ©1997-2019 Todos os direitos Reservados